Os conteúdos embedados ajudam a enriquecer o conteúdo, em especial dos sites que monitoram com frequência o que é publicado nas redes sociais. Mas a partir do dia 24 de outubro de 2020, o procedimento de incorporar conteúdos do Instagram e do Facebook em posts ou notícias de sites e blogs que usam a plataforma WordPress – copiando e colando o código embed – deixará de funcionar.

A medida é retroativa e possivelmente irá “quebrar” a exibição de fotos, vídeos e textos publicados originalmente nas redes sociais. Será necessário fazer ajustes nos conteúdos já compartilhados e adotar outra solução para continuar incorporando o que é publicado no “Insta” e do “Face”.

Por que o atual modelo de embed para de funcionar no WordPress

O atual modelo de embed para de funcionar no WordPress, mas a mudança não partiu da plataforma. Na verdade, é fruto de uma decisão do Facebook, também dono do Instagram, que passa a adotar novos requisitos para permitir a funcionalidade.

A empresa optou por descontinuar – a partir do dia 24 – a API oEmbed, que permitia a exibição dos conteúdos incorporados de modo prático (copia e cola, como dito acima), sem nenhuma credencial. Na avaliação dos desenvolvedores, o modelo atual, sem a necessidade de um token de acesso para funcionar, libera o embed, mas não permite qualquer configuração adicional.

No comunicado oficial sobre a descontinuidade da API OEmbed, o Facebook explica o que muda para que a incorporação possa ser realizada. Basicamente, reformula todo o processo de embed, com nova codificação (com a mudança nos pontos de extremidades da URL, que permitem a incorporação) e exigindo, além do token de acesso, conta de desenvolvedor, aplicativo registrado no Facebook e o produto Oembed instalado no APP.

Em resumo, será necessário um domínio técnico maior do usuário para utilizar a incorporação de conteúdo em seus sites e blogs.

O que fazer para continuar embedando

Diante das alterações destacadas acima, o WordPress 5.5.1 optou por remover o suporte para incorporação de conteúdos do Instagram e do Facebook. A plataforma decidiu passar a funcionalidade para um plugin de terceiros. E para quem quer continuar enriquecendo seus conteúdos digitais com fotos, vídeos e textos do Instagram e do Facebook e utiliza o editor Gutenberg ao invés do editor clássico, a ServerDo.in recomenda OEmbed Plus.

Em linhas gerais, o plugin traz de volta o processo antigo e ajuda a facilitar o embed diante dos novos parâmetros adotados pelo Facebook para usuários do editor Gutenberg. Veja o passo a passo para usar o OEmbed Plus:

1 – Caso não tenha um perfil de desenvolvedor no Facebook para poder criar o aplicativo, entre no site Facebook desenvolvedores [https://developers.facebook.com/]

Clique em “Como começar” no menu do site, irá abrir a tela de confirmação de cadastro, clique em avançar:

embed para de funcionar no WordPress

Caso não tenha o seu celular cadastrado no Facebook faça o passo de verificação:

Após verificar escolha uma das opções abaixo e pronto:

2 – Cadastrar um aplicativo do Facebook

Acessar a parte de aplicativos do Facebook [https://developers.facebook.com/apps/]

Clicar em “Criar aplicativo”:

Escolher a opção “Outros usos”:

Preencher com os dados do aplicativo:

Preencher as configurações básicas necessárias:

Ativar o aplicativo:

embed para de funcionar no WordPress

Copiar o App ID (ID do Aplicativo) e o App Secret(Chave Secreta do Aplicativo):

Instalar o plugin OEmbed Plus no seu site WordPress, ir em Configurações -> Escrita:

embed para de funcionar no WordPress

Preencher os dados e salvar as alterações. Com isso seu editor permitirá o embed de conteúdos do Facebook e Instagram dentro das novas regras definidas.